Image Map

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Enorme área verde prestes a ser devastada: e a Prefeitura de Curitiba autorizou!


Olá pessoal,

Pois é, cada vez mais nos convencemos de que o ser humano está se tornando alguém que “esqueceu” que depende de outros seres para sobreviver e, entre eles, estão as árvores. Como vamos respirar daqui há um tempo, quando só houver concreto? Porque o caminho que está sendo trilhado é exatamente esse. Cada vez mais vemos prédios, construções, devastação e morte. 


Hoje estamos aqui para mostrar uma enorme área verde, situada no bairro Santa Cândida, que está prestes a ser devastada em função da construção de um condomínio de prédios. Pelas imagens do Google Maps e pela maquete do empreendimento, que encontra-se na placa, podemos ver o tamanho da área verde que será extinta:




Os moradores da região estão indignados e relataram a existência de “esquilinhos”, tucanos, e outras espécies pouco comuns no bosque. Mas é claro que isso não tem valor diante de um prédio e do dinheiro que ele trás aos políticos corruptos e empresários sem escrúpulos! Afinal, os animais que se mudem...e as árvores, tanto faz para eles, não é mesmo? Na verdade cada vez mais mostram que quanto menos verde, melhor.

Afinal, como a Prefeitura de Curitiba concedeu um alvará de construção, sabendo dessa enorme área verde que será cortada? De que forma a construtora conseguiu essa aprovação? Muito estranho, não? 

Segundo o arquiteto, Luis Gustavo Loewenthal, "a média de potencial construtivo em um terreno é de em média 30% da área verde total”. Mas como podemos ver perfeitamente pela maquete não é isso que acontecerá. Então podemos supor que o dinheiro realmente fala mais alto e que tudo se consegue com ele, até mesmo matar cruelmente diversas árvores sadias.

Triste, não é mesmo?

Vejam o tamanho do bosque em que haverá a construção. Imaginem quantas vidas moram lá. Não tem como não sentir indignação, tristeza e raiva desses seres humanos que estão perdendo a sua humanidade.

Até mais. ):



Um comentário :