Image Map

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Progresso = selva de pedra! É isso que a Prefeitura de Curitiba quer?


Uma rua sem árvores, onde é possível manter a limpeza, pois não há folhas, nem galhos e muito menos flores no chão. Ali também é possível se construir quantos postes forem necessários, não há problema com fiações elétricas e as construções podem ser realizadas à vontade, sem questões ambientais para atrapalhar.

Por incrível que pareça, estamos percebendo que cada vez mais este é o “melhor dos mundos” para muitos, que realizam podas drásticas (com a intenção de matar na maioria das vezes) ou que simplesmente realizam cortes em árvores porque elas estariam “atrapalhando” de alguma forma, mesmo que seja somente pelo fato de ser necessário varrer mais vezes a calçada.

E o pior, por trás dessas pessoas há um representante legal que parece condizente com esta lamentável situação. Sim, pois para se cortar ou podar uma árvore sob qualquer justificativa, o cidadão deve (ou deveria, mas já que não há punição dá para fazer “por baixo dos panos”) pedir autorização para a Prefeitura de Curitiba, que teria a função de analisar a real necessidade, entre outros fatores, e agir em defesa delas, já que a cidade mantém o título de capital ecológica. Aliás, faz tanto tempo que não ouvimos este termo!

Por esta imagem, vocês podem ter uma ideia de como está ficando a cidade de Curitiba:



Em uma via movimentada, onde diariamente transitam milhares de pessoas, não se vê uma árvore sequer. O que se vê ali são somente carros e concreto. Como se a vida não existisse ou não precisasse existir. E o pior, achamos que tem gente que nem nota. Ou até gosta!

Como dissemos, quem deveria estar no controle da situação e dando o exemplo de preservação ambiental (que sonho!), está autorizando cortes indiscriminadamente e realizando a morte em massa de muitas espécies de árvores, que algumas vezes chegaram antes de nós. E que deveriam ser respeitadas, e não transformadas em uma triste lembrança, que um dia se transformará em realidade, quando a gente não tiver mais oxigênio puro para respirar.

Prefeitura de Curitiba, até quando vamos ficar sem resposta? Gostaríamos de saber se realmente o que vocês querem é transformar a nossa cidade numa selva de pedra. Porque se formos depender da paisagem que vemos sendo transformada e dos seus atos em relação ao meio ambiente, temos que acreditar que sim!



Nenhum comentário :

Postar um comentário