Image Map

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Porque você não deve cortar uma árvore!


Olá pessoal,

Em tempos de seca como a que está acontecendo em São Paulo, por exemplo, cortar uma árvore se tornou um verdadeiro crime. Apesar de algumas pessoas pensarem que as árvores contribuem para o desperdício de água (sim, tem gente que pensa assim! confiram post anterior: http://www.vandaloverde.com.br/2015/01/era-o-que-faltava-arvores-como-viloes.html) o que acontece é justamente ao contrário!

De acordo o botânico Ricardo Cardim, do blog Árvores de São Paulo, em entrevista concedida para a revista Época, há uma relação direta entre as árvores e a chuva ou a falta dela.

Segundo ele, “são as árvores que transferem umidade do solo para a atmosfera. As raízes profundas das árvores chegam às camadas com água saturada no solo ou aos lençóis freáticos. Pela fotossíntese, a planta puxa a água do fundo da terra e joga essa umidade na atmosfera. A umidade do ar ajuda a baixar as partículas poluentes em suspensão. Isso melhora a saúde das pessoas. Além disso, também ajuda a formar nuvens e um clima propício para as chuvas”.

Vale a pena ler a entrevista na íntegra, pois ela nos traz informações muito interessantes a respeito deste assunto e como a falta de arborização urbana está contribuindo para a catástrofe que está acontecendo em São Paulo: 

http://epoca.globo.com/colunas-e-blogs/blog-do-planeta/noticia/2014/11/crise-da-agua-como-arvores-trazem-chuvas-e-refrescam-cidade.html


Nesta simples imagem podemos ver quantos benefícios as árvores nos trazem. Pelo número de litros de água que elas absorvem em um ano, por exemplo, dá para ter uma ideia de como nos ajudam a evitar enchentes. E, com certeza, se nos preocupássemos em plantar mais, muitas tragédias poderiam ser evitadas: 


Acreditamos que argumentos não faltam para se preservar qualquer tipo de espécie, mesmo aquelas árvores consideradas "invasoras" ou que estariam “atrapalhando” de alguma forma. 

Prefeitura de Curitiba, que muitas vezes faz “vista grossa” para crimes ambientais, contribui concedendo autorizações para cortes sem fundamento e realiza o corte de árvores “invasoras”, ao invés de fazer programas de arborização e conscientização ambiental, cuidado!

Não é só em São Paulo que pode acontecer este tipo de problema. Está mais do que na hora de vocês, nossos representantes, acordarem e conscientizarem os cidadãos sobre a importância das árvores para a nossa sobrevivência. Sem elas, o futuro ficará muito difícil!


quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Cuidado ao podar a raiz de uma árvore! Manejo inadequado contribui para quedas e até mesmo acidentes

Olá pessoal,

O post de hoje traz um alerta para aqueles que costumam realizar podas em árvores, principalmente em suas raízes. Se o corte for realizado de maneira inadequada, a árvore corre o sério risco de cair, ocasionando sua morte e também possíveis acidentes! Vemos muitos casos de árvores plantadas em bordas de calçadas (o que por si só já as torna mais suscetíveis a quedas) e, para evitar que estas sejam danificadas, algumas pessoas simplesmente decidem cortar suas raízes para não danificar a estrutura.

Um pensamento óbvio, mas que não parece tão óbvio assim para alguns, é de que se raízes foram cortadas de qualquer jeito, as árvores consequentemente perdem sua sustentação e caem.

De acordo com a pesquisadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas Ambientais (Nepam), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Dionete Santin, em entrevista ao site G1 sobre o caso de queda de mais de 180 árvores em Piracicaba, em que houve suspeita de caso como este, a poda que compromete mais de 50% das raízes, que as retira com um corte vertical sem estudo prévio da planta, pode comprometer a estrutura. "A poda de raiz deve ocorrer quando é necessário, mas há uma porcentagem e uma forma para fazer isso corretamente".

Ela explicou que a queda de árvore comprometida pode levar anos. "Há uma pseudossustentabilidade, a árvore com problemas fica de pé por anos e cai durante uma ventania ou uma chuva”. Para quem tiver interesse em ler a matéria na íntegra, segue o link: http://g1.globo.com/sp/piracicaba-regiao/noticia/2013/07/poda-de-raiz-pode-ter-facilitado-queda-de-arvores-em-piracicaba-diz-nepam.html


Este pode ser o caso das duas árvores abaixo, principalmente da primeira, que não teve a poda realizada de forma correta e que já apresenta apodrecimento da raiz, consequentemente o risco de doenças é grande. Qual será o futuro delas? E no momento em que caírem, o que é bem possível, será que não terá ninguém por perto? Como poderemos reclamar, então?



Prefeitura de Curitiba, que realiza podas quase que diariamente na cidade, nossa pergunta é: os seus profissionais estão capacitados para realizar este tipo de poda? Há algum tipo de diagnóstico antes? Caso as duas respostas sejam negativas e se alguma árvore cair durante um temporal e ocasionar acidentes, já sabemos quem pode estar contribuindo!